Faça login na sua conta

Usuário *
Senha *
Lembre de mim

Crie a sua conta aqui!

Os campos marcados com um asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Usuário *
Senha *
Verifique a senha *
Email *
Verificar e-mail *
Captcha *
Reload Captcha
segunda-feira, 25 janeiro 2021

COVID-19: a Comissão de Concertação realiza uma avaliação intercalar e confirma as regras em vigor



Bruxelas- Comunicado de imprensa do primeiro-ministro, Alexander De Croo.

O governo federal e os governos das entidades federais reunidos hoje no seio da Comissão de Concertação, por videoconferência, discutiram a situação epidemiológica.

Esta situação tem evoluído positivamente por várias semanas no nosso país, mais favoravelmente do que numa série de outros países europeus. O Comité de Concertação observa que o número de contaminações está diminuindo lentamente. Apesar desta tendência geral de queda, a taxa de reprodução está mais uma vez aumentando ligeiramente (Rt = 1,004).

A taxa de ocupação em terapia intensiva também permanece em patamar elevado. De acordo com a Comissão de Concertação, no entanto, ainda é cedo para avaliar os possíveis impactos das viagens de regresso ao país, das comemorações de final de ano e da reabertura de escolas.

O Comité Consultivo, portanto, tomou as seguintes decisões:

  • O teletrabalho obrigatório é mantido. Haverá mais controlos nos locais de trabalho dos trabalhadores que devem respeitar a quarentena.
  • Viagens não essenciais são fortemente desencorajadas. Haverá mais verificações de conformidade com os requisitos de teste e quarentena após viagens não essenciais. Os controlos também serão reforçados quando os viajantes retornarem às estradas. As regras de viagem atuais permanecerão aplicáveis pelo menos até depois dos feriados de Carnaval.
  • A vacinação está acelerando. O Comité Consultivo pede ao grupo de trabalho encarregado da vacinação que aumente a taxa de vacinação e a torne mais eficiente. Os anúncios sobre a duplicação da quantidade de vacinas da Pfizer e BioNTech por meio da compra europeia são particularmente importantes neste contexto.
  • Haverá mais testes. Os ministros da saúde e do grupo de trabalho são responsáveis por aumentar o número de testes PCR e antigénicos no contexto da capacidade de teste atual.
  • Vigilância no ensino. Será necessário estar mais atento ao respeito das medidas sanitárias e de quarentena entre as crianças em idade escolar, em particular as crianças que frequentam a escola nos nossos países vizinhos e que vivem uma situação epidemiológica menos favorável.

Luso.eu - Jornal das comunidades
Bruno Paiva
Author: Bruno Paiva
Para ver mais textos, por favor clique no nome do autor
Lista dos seus últimos textos

Adicionar o seu comentário aqui!

TEMOS NO SITE

Temos 442 visitantes e 0 membros em linha

A SUA PUBLICIDADE AQUI?

EVENTOS ESTE MÊS

Não existem eventos no calendário
Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

News Fotografia

Se você viu, o seu cliente também verá!