Faça login na sua conta

Usuário *
Senha *
Lembre de mim

Crie a sua conta aqui!

Os campos marcados com um asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Usuário *
Senha *
Verifique a senha *
Email *
Verificar e-mail *
Captcha *
Reload Captcha
domingo, 17 outubro 2021

Por favor habilite seu javascript para enviar este formulário

Presidente da Répública visitou o stand da Rede Sem Fronteiras, na 91ª Feira do Livro de Lisboa



O luso.eu Jornal das comunidades é gratuito mas quero ajudar!

A 91ª Feira do Livro de Lisboa - o maior evento mundial dedicado a promover a literatura lusófona – realizada entre 26 de agosto a 12 de setembro, no Parque Eduardo VII, contou com a participação de 131 expositores distribuídos por 328 pavilhões, os quais trouxeram à Feira mais de 700 marcas editoriais. Tratou-se, portanto, da segunda maior edição da história da Feira.

A Associação Portuguesa de Editores e Livreiros (APEL) revelou que passaram pela Feira 350 mil pessoas, número que “superou bastante as expectativas”, citou o vice-presidente da APEL, Pedro Sobral, fazendo um balanço do certame.

Em 2020, ao visitar o stand da Rede Sem Fronteiras, o Sr. Presidente Marcelo Rebelo de Sousa conheceu a proposta da instituição de fomentar, divulgar e promover as produções literárias de escritores lusófonos. Ele recebeu de presente o volume 5 da Coletânea Sem Fronteiras pelo Mundo... e diversos livros de autores a solo.

No dia 26 de agosto de 2021, o Exmo. Sr. Presidente, após a cerimónia de abertura oficial do evento, esteve, mais uma vez, no stand onde estava instalada a montra de livros  da Rede Sem Fronteiras. O Presidente  recordou-se de ter visitado a mesma entidade cultural  em 2020  e comentou que  "o trabalho de promover autores independentes tem um valor inestimável".

Este ano, a Rede Sem Fronteiras trouxe 75 autores solo e mais de 300 coautores. Homenageou os autores brasileiros: Dalma Nascimento, Tania Zagury, e Tom Farias, como Autores Convidados de Honra, e ainda prestou Homenagem Especial a Conceição Evaristo. Todos participantes presenciais e ao vivo da programação virtual. 

A intensa programação transmitida virtualmente e realizada pela Rede Sem Fronteiras permitiu que seus autores e coautores participassem, em tempo real, de um cardápio de temas e de atividades que, em muito, superou as expectativas de seu público. O alto nível de sua programação uniu escritores lusófonos espalhados em mais de 20 países, trazendo-os para dentro da Feira. De forma surpreendente, os flashes ao vivo, promovidos pela Presidente da Rede Sem Fronteiras, de Dyandreia Portugal, colocaram todos aqueles que desejavam participar presencialmente, porém ainda impedidos pela Pandemia do coronavírus em suas mutações, caminhando, juntamente com ela, pelas alamedas, visitando os stands e sentindo os aromas da Praça de Alimentação.

Foram ao todo 14 palestras, 9 painéis, 6 debates, 09 reuniões literárias/culturais de entidades parceiras como UBE-RJ (União Brasileira de Escritores – RJ), AJEB (Associação de Jornalistas e Escritoras do Brasil, de diversos estados), CRBE (Conselho de Representantes de Brasileiros no Exterior), ABBA (Academia Brasileira de Belas Artes, ALMUB (Academia de Letras e Música do Brasil), ALALS (Académie des Lettres et Arts Luso-Suisse), APP (Associação Portuguesa de Poetas), Associação Nova Acrópole, Música no Museu e outras. Além de 19 Cerimónias de lançamentos de coletâneas, e 38 lançamentos presenciais de livros solo (sendo dois com performances culturais), distribuídos por 12 autores oriundos de Portugal, Brasil, Suíça, Holanda, Guiné-Bissau, e Inglaterra, que estiveram presentes especialmente para o evento.

Tudo isso não podia ficar restrito aos videntes e ouvintes. Sendo assim, a audiodescrição e a interpretação em LIBRAS – por meio de parcerias firmadas com a Academia Inclusiva de Autores Brasilienses (AIAB), com a Associação de Cegos do Estado do Ceará, e com intérpretes especializados na Língua Brasileira de Sinais – foram a maior beleza experimentada por todos os integrantes e convidados da Rede Sem Fronteiras. Uma experiência não apenas para os que tiveram a oportunidade de participar ao vivo, mas também para aqueles que, a qualquer momento, poderão assistir a toda a programação nos canais da Rede: Instagram, YouTube, Facebook, ou pelo blog www.redesemfronteiras.com

A Rede Sem Fronteiras deseja, oportunamente, apresentar ao seu público novas propostas de inclusão de deficientes visuais e auditivos, por meio de audiodescrição e tradução em LIBRAS, de toda a programação das próximas Feiras e demais projetos vindouros. 

Isso, provavelmente, motivará, ainda mais, o Exmo. Sr. Presidente da República de Portugal Marcelo Rebelo de Souza. No final de seu entusiasmante discurso de inauguração do maior palco da lusofonia, declarando sua paixão pelos livros, o Presidente anunciou: “Se chegar aos 86 anos, virei à 100ª. Já tenho motivo adicional para viver mais tempo”.

O nosso jornal espera poder contar com a presença do nosso Presidente da República na 92ª, 93ª, 94ª, ... e para muito além da 100ª Feira do Livro de Lisboa. 


Adicionar o seu comentário aqui!

luso.eu Jornal Comunidades

TEMOS NO SITE

Temos 502 visitantes e 0 membros em linha

Não perca as promoções e novidades que reservamos para nossos fiéis assinantes.
O seu endereço de email é apenas utilizado para lhe enviar a nossa newsletter e informações sobre as nossas actividades. Você pode usar o link de cancelamento integrado em cada um de nossos e-mails a qualquer momento.

A SUA PUBLICIDADE AQUI?

EVENTOS ESTE MÊS

Seg. Ter. Qua. Qui. Sex. Sáb. Dom.
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
30
31

News Fotografia

Miroslav Slapka