Esta publicação é da responsabilidade exclusiva do seu autor.

Caminha Covid-19: Nasce onda de solidariedade a favor do lar dos Mareantes

Convide os seus amigos

Estrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativaEstrela inativa
 


A situação no lar do Bom Jesus dos Mareantes, em Caminha está descontrolada … São 59 casos positivos de Covid-19, entre os quais 24 são funcionários e já se registraram 4 mortes.

Após um apelo da Câmara Municipal e Junta de Freguesia por faltarem recursos humanos na confraria do Bom Jesus dos Mareantes, nasceu uma onda de solidariedade popular com esta instituição. Dezenas de pessoas" voluntariaram-se e três entraram durante o dia para o lar como voluntárias.

O serviço no lar estava a ser assegurado por 10 colaboradores, incluindo elementos da direcção. Em princípio, esta segunda-feira, uma equipa de cinco auxiliares e dois enfermeiros, será enviada pela Segurança Social.

O concelho de Caminha, é agora um dos mais afetados pela nova doença no Vale do Minho. Recordar, ainda, que Três utentes, uma delas internada, do centro de dia de Vilarelho, no concelho de Caminha, viram já confirmada a infecção por SARS-CoV-2, depois de quatro funcionárias terem testado positivo à covid-19.

No total, a instituição tem 18 funcionárias, sendo que três trabalham no centro de dia e 15 prestam apoio domiciliário. Aguarda-se marcação pelas autoridades de saúde, do rastreio aos 45 utentes do serviço domiciliário. O centro de dia está encerrado desde quarta-feira, e “só reabrirá quando a autoridade de saúde autorizar”.

Isabel Varela
Jornalista / colaboradora
Para ver mais textos, por favor clique no nome do autor.
Textos deste autor:

RECOMENDADOS PARA SI

EU APOIO O Luso.eu

Últimos Tweets

Gulbenkian distingue projeto de investigação da UC em computação quântica https://t.co/4KtUVSxDRE
Gulbenkian distingue projeto de investigação da UC em computação quântica https://t.co/phjYEY0Rnp
Especialista da Universidade de Coimbra integra grupo de trabalho da Organização Mundial de Saúde https://t.co/4HUnC632sv
Follow Jornal das Comunidades on Twitter